melhorar-produtividade-funcionarios-home-office

Como melhorar a produtividade dos seus funcionários no home office?

O home office se estabeleceu de vez em diversos locais e segue sendo a grande modalidade dos dias atuais. Trabalhar de casa é um grande atrativo, mas é preciso maior cuidado com os colaboradores para manter a motivação e não enfrentar problemas com turnover na empresa.

Mesmo que essa modalidade seja interessante por diversos benefícios, a falta de acompanhamento diário e presencial pode fazer com que a produtividade das pessoas diminua e é preciso que as empresas tenham ações para manter a qualidade dos trabalhos, onde quer que seus funcionários estejam.

O que você tem feito para acompanhar seus funcionários e incentivar produtividade e qualidade no home office? Confira dicas essenciais para seu negócio!

Garanta que todos estejam alinhados aos objetivos organizacionais

É natural que dentro de uma empresa existam os mais diferentes tipos de objetivos e metas e é preciso que os colaboradores saibam quais são eles. Entender onde se quer chegar é essencial para que o trabalho seja realizado e para que todos tenham um rumo claro a seguir em suas funções.

Mesmo presencialmente, se o profissional não enxerga de forma clara como sua contribuição faz a empresa caminhar, é natural que a desmotivação cresça e, consequentemente, a produtividade.

Mais do que isso, é a partir desses objetivos que são definidas as metas individuais e em grupo, portanto, tenha certeza de que todos os setores e pessoas tenham clareza sobre eles.

Tenha atenção à comunicação

Para que o ponto anterior esteja bem alinhado é preciso de uma comunicação clara e eficaz e isso é crucial no home office. Erros de comunicação entre empresa e colaboradores geram grandes problemas de desmotivação e produtividade.

É preciso ter um canal aberto entre RH, funcionários e gestores para que todos se sintam à vontade para falar o que for necessário. A empresa precisa também compartilhar notícias, informações, conquistas e dificuldades para que todos estejam na mesma página e se sintam parte do negócio.

Ao se sentir valorizado e comunicado sobre o que acontece, os profissionais se engajam e produzem ainda melhor. Sendo assim, tenha atenção aos colaboradores, repasse informações para todos e não de forma individual, utilize plataformas de comunicação, certifique-se de que todos estão atentos às mudanças e atualizações e incentive a troca entre todos os indivíduos.

Além da comunicação entre empresa e funcionário, incentive as trocas entre as pessoas. Trabalhar em home office pode ser muito solitário e é importante que a organização valorize os times e o sentimento de pertencimento de cada colaborador.

Capacite os colaboradores

Investir em treinamento e desenvolvimento e formas de aprendizagem é uma excelente maneira de aumentar a qualidade e produtividade dos seus times. Entenda as necessidades individuais e coletivas, invista em conhecimento, pense sobre tendências e metodologias de educação, verifique possibilidades e insira a educação dentro da cultura organizacional.

Mantenha a motivação e engajamento das pessoas

A produtividade vem através da motivação e pertencimento dos colaboradores com a empresa. Nenhum profissional vai dar o seu melhor se não se sente engajado e valorizado, não é mesmo?

Por isso, mais do que home office, olhe para os salários das pessoas, planos de carreira, benefícios monetários ou não e faça com que os profissionais se sintam seguros e tenham prazer em fazer parte do negócio.

Tenha uma cultura de feedbacks

Os feedbacks são essenciais para que o colaborador entenda sobre seus pontos fortes e fracos e cresça a cada dia. É difícil pedir que os funcionários melhorem em suas funções sem instruções claras sobre como isso pode e precisa ser feito, não é mesmo?

Portanto, crie cultura de feedbacks, aponte os aspectos positivos e negativos, individuais e em grupo e peça também pela visão do funcionário em relação a empresa. Mais do que apontar as falhas, lembre-se de comemorar conquistas e reconhecer os desempenhos e atitudes positivas.

Incentive as pausas

Engana-se quem pensa que a produtividade tem a ver com horas seguidas de trabalho sem nenhum descanso, afinal, o trabalho é feito por pessoas e não por máquinas, certo?

Ter intervalos no trabalho incentiva a capacidade de concentração e ajuda na prevenção de lesões causadas pelo esforço repetitivo. Portanto, incentive essas pausas e faça com que o colaborador entenda sua necessidade sem medos de julgamento ou punição.

Com a distância física entre colaboradores, gestores e equipes, é fundamental acompanhar os profissionais e incentivar sua motivação e produtividade para que o home office não seja um empecilho na qualidade.

Como suas equipes estão atuando nesse momento? Quais estratégias são tomadas para garantir o melhor desempenho? Aproveite nossas dicas e reveja seus processos!